Postagens

Mostrando postagens de Março, 2010
Imagem
Mais ou menos 1h35 da madrugada e...

Cena rara minha, acordo no sofá, a Tv ligada. Sonolenta, vejo Altas Horas começando. Ia desligar, ir pra cama mas resolvo dar uma chance a Sergio Groissman quando ele anuncia que a partir desta edição vai relembrar os dez anos do programa. Puxa vida: uma década de Altas Horas!

Faço as contas e penso no que estava fazendo quando o programa estreou: em 2000, Camila fazia dois anos de idade; eu estava pela primeira vez trabalhando na Tv Grande Rio.

Não vou escrever muito, preciso dormir.

Serginho, obrigada. Foi um tributo emocionado a Renato Russo – legal o encontro que vc promoveu: Jota Quest, Dinho Ouro Preto, um grupo do Uruguai. Ver Dado e Bonfá tocando...!

A lembrança do meu amigo Jorge Rosa, editor de imagens, que me falava tanto sobre Renato Russo, sobre o Aborto Elétrico, a banda que RR cantou.

O sonho não acabou!

Vivo, Renato, vc seria um cinqüentão... e tanto.

Tempo perdido (Legião)

Quase sem Querer - Legião UrbanaLet it be (Beatles)
Imagem
Gosto de ter Deus morando no meu coração.
Imagem
Ondas de medo, tensão, ansiedade, frustração...
q não me podem paralisar.
sei, a paralisia às vezes é necessária - em face do perigo, animais somos; diante do risco, a melhor estratégia é ficarmos parados, sem respirar.
só que não dá pra ficar petrificada, é preciso partir, descer com o trem andando!
Imagem
Recife, vc me surpreende de muitas maneiras diferentes.  Apesar das surpresas, mudas muito pouco.
A Fundaj do mesmo jeitinho, cinzenta fachada.
O Spettus.
O curso de Redação Vicente funciona no mesmo lugar... com uma companheira diferente. Saudades de Maísa.
Na Agamenon, o escritório de José Paulo Cavalcanti Filho...
O Centro de Convenções, pela primeira vez uma ida a negócios. Das outras, sempre um filme, sempre um show, sempre a arte - o consumo da arte.
Imagem
Neste 8 de março de 2010, logo abaixo reproduzo as palavras da querida Bet Gonçalves Moreira que todos os domingos me dá a honra de enviar por e-mail o seu “Poesia aos Domingos”, uma seleção delicada de poemas, sempre com um forte “gancho jornalístico” pois ela está sempre antenada nas datas e fatos do dia a dia.
Uma busca linda a sua, Bet. Muito obrigada.

Gentes (de alma feminina e gentes que com ela se identificam ou a respeitam),
Nesta semana abro um dos meus livros - Poesia Erótica em tradução, de José Paulo Paes - e leio este poema de Giosi Lippolis (1923-2006), poeta italiana.
“Amo três gestos teus quando, senhor,
Me incendeias do teu próprio fogo.
Te serves do meu corpo, minha boca
Sorves na tua, me penetras...
És poderoso, vivo, estás feliz,
Mas depois disso cada minuto é meu.”

Reitero: este último verso diz tudo: como uma voz de mulher se torna porta voz poderosa do que as mulheres contrapõem no ato erótico, o alcance de seu poder e de seu prazer. Taí uma finalidade para o dia…
Imagem
Ariano, devo a mim mesma um texto sobre sua grandeza. Não, minha gente, Suassuna não morreu. E não morrerá pois a herança que ele vai deixar é eterna.
A campanha: Ariano Suassuna para embaixador vitalício do Brasil!
Imagem