Sinto, logo escrevo





"Escrevo do modo que escrevo porque é a maneira como foi concebido e não saberia dizer

de outro modo. Não sou uma pessoa que possa relatar uma ideia passada. Não sei pôr no

 papel uma coisa que não estou sentindo mais."


= Clarice Lispector, frase encontrada na contracapa do livro “A escritura de Clarice Lispector”, de autoria de Olga de Sá. 

Postagens mais visitadas deste blog

Arquiteto Carlos Nascimento (in memoriam) será homenageado pelo Conselho de Arquitetura e Urbanismo

É casa, é jardim

Gabriel, Miguel, Drummond e Chico