São Paulo dá adeus ao poeta Décio Pignatari



Vai ser nesta segunda (3), o enterro do poeta Décio Pignatari, 85 anos, que morreu ontem (2) em São Paulo.

A poesia concreta brasileira deve muito a Pignatari, juntamente com os irmãos Haroldo (1929-2003) e Augusto de Campos.

Herança você deixou, Décio, desde o dia em que nasceu: luminoso 27 de agosto de 1927.

Que o azul o acompanhe, poeta!

Mais em http://www1.folha.uol.com.br/ilustrada/1194854-poeta-decio-pignatari-morre-aos-85-em-sao-paulo.shtml

Postagens mais visitadas deste blog

Arquiteto Carlos Nascimento (in memoriam) será homenageado pelo Conselho de Arquitetura e Urbanismo

É casa, é jardim

Sonhos famintos: leitura do conto A Cadeira de Balanço, de Clarissa Loureiro